Rosa dos Ventos

Curie

 

 

 

 

 

 

 

 

   Conceito Artístico:

 

Óleo 18 – Rosa dos Ventos  ( de  Curie  [1867-1934] )

– 2010 - ( 40 x 60 cm )

 

   Conceito Científico:

 

     Quando queremos introduzir uma nova ideia temos de possuir um espírito rebelde preparado para lutar. Marie Curie tinha todas essas qualidades. Nascida na Polónia, começou como uma das 210 mulheres a estudar no meio de nove mil estudantes masculinos. Desde cedo foi conhecida e considerada como invulgar, uma vez que obteve nos exames as melhores notas entre todos os estudantes. Foi reconhecida de imediato como sendo uma estudante brilhante.

     Mas ser brilhante é uma coisa. Revolucionar a ciência é outra! Começou as suas investigações juntamente com o seu marido Pierre Curie, após ter tido conhecimento de algumas descobertas curiosas feitas pelo físico Becquerel acerca da emissão de radiações estranhas emitidas por certos minérios, como por exemplo, o Urânio. E, numa radiação de inspiração, descobriu a radioactividade!

     O trabalho de Marie Curie foi excepcional. Descobriu que alguns elementos radioactivos emitem mais radiação do que outros e ainda que estes podem emitir diferentes tipos de radiação. Além disso, consolidou o entendimento de todo o seu pensamento acerca da teoria atómica transmitindo que os átomos existem e de que estes são indivisíveis, no entanto, estes não são imutáveis. Descobriu experimentalmente que a emissão de radioactividade conduz à libertação de partículas e que, por este meio, o átomo altera-se. As partículas constituintes do átomo são realmente indivisíveis, mas não imutáveis. As partículas fundamentais, tais como os neutrões, podem mudar de forma e transformar-se umas nas outras. Mas esta transformação e mutação obedece a um processo rigoroso, cientificamente designado por desintegração beta.

     Por todas as suas descobertas, Marie Curie foi galardoada com o Prémio Nobel, duas vezes! Um facto inédito que lhe trouxe fama, reconhecimento e fundos para poder avançar nas suas investigações. Se referirmos que a discriminação das mulheres era ainda uma realidade bem marcante nesta altura e que Marie nunca foi convidada para a Academia das Ciências e que, na verdade, a recomendação inicial para o Prémio Nobel não incluía o nome dela; foi acrescentado por insistência de Pierre.  Concluímos que a sua contribuição para o desenvolvimento da ciência e para a emancipação da mulher na sociedade, foi absolutamente notável.

     Mas entre o milagre e o pesadelo, entre a beleza de uma rosa e os seus picos cortantes, o que Marie Curie não sabia era o quão prejudicial o excesso de radiação pode ser. Só mais tarde, nos anos vinte, é que se começou a relacionar a radiação com o cancro, mas já era demasiado tarde para Marie … Já lhe tinha sido diagnosticado cancro nas células sanguíneas, leucemia.

     Mesmo hoje, os seus apontamentos estão guardados em lugar seguro, pois encontram-se ainda demasiado radioactivos para serem manipulados.

 

  

    Conceito Literário:

 

“A vida não é fácil para ninguém. Que importa?

 Temos de ser perseverantes e, sobretudo, ter confiança em nós próprios. Devemos acreditar que temos um dom para alguma coisa e que, custe o que custar, havemos de consegui-la.”

MARIE CURIE

 

“ Ensinaram-me que o caminho do progresso não é rápido nem fácil.”

MARIE CURIE

 

“ Se choras porque perdeste o Sol, as lágrimas não te deixarão ver as estrelas!”

RABIM DRANATH TAGORE

 

“ Aquilo que a lagarta chama de fim do mundo, o Mestre chama de borboleta.”

RICHARD BACH

 

“ O homem tem de se inventar todos os dias.”

JEAN PAUL SARTRE

 

“ O inferno são os outros.”

JEAN PAUL SARTRE

 

“ No meio da dificuldade encontra-se a oportunidade.”

ALBERT EINSTEIN

 

“ A melhor maneira de responder a um mau argumento é deixá-lo continuar.”

SYDNEY SMITH

 

 “ Quando se avistam nuvens, os sábios vestem os seus mantos.”

SHAKESPEARE

 

‘ Vivemos todos sob o mesmo céu, mas nem todos sob o mesmo horizonte.’

C. P. FOURNIER

 

“ Quando não houver vento, reme.”

PROVÉRBIO ITALIANO